MARCELO

Têm toda a razão os que votaram em Marcelo e não o digo por ser agora que ele ganhou ex eco com a abstenção. Mas evitou-se o absoluto predomínio do Partido Socialista… ou assim parece.

Não creio que da vitória de Marcelo advenha qualquer diferença a não ser para o imaginário dos ‘votantes’. Nunca ninguém saberá o que Marcelo pensa ou o que irá fazer! A verdade é que ele anda em luta pela conquista do poder – de um poder qualquer…- há décadas. E, para além do lugar de Sec. Geral do PSD nunca lhe concederam outro. Tem sido um longo caminho, feito por um homem em quem a fidelidade e a lealdade não são os principais atributos.

Marcelo  foi eleito pelas razões que conhecemos e sabe-o. O ‘dó’ de que o fulano do Expresso – que ignoro quem seja – falou refere-se a essa circunstância e ao facto de ele se ter sujeitado a tudo – e trata-se de um Prof Catedrático…- para não ser esquecido. Até consentiu em ser capa de revista com aquela ‘garina’ saída ‘out of the blue’, em circunstância idêntica à que no numero seguinte aparecia um futebolista nu com uma moldura a tapar-lhe ‘as vergonhas’.

Tudo fez, nestas várias décadas, com todos conviveu e fez amizades, para chegar FINALMENTE a conquistar um lugar que creio terá excedido as suas mais grandiosas expectativas até ao momento da candidatura.

Nada disto está decerto esquecido naquela cabeça! O horroroso e crispado semblante que ostentou durante o período pre-eleitoral e eleitoral contrasta com o semblante distendido e seguro com que surge depois da vitória, embora tivesse decerto consciência que se tratou de uma vitória de Pirro. Vitoriosos sairam os que votaram nele… ou assim pensam.
Por mim creio que o que o terá movido nesta luta ‘sócio/popularucha’ terá sido o facto de ele ter um projecto muito pessoal para o País e nunca desistiu de lutar até ter meios para o por em prática. Qual é?? Ninguém sabe porque tem sabido sempre ser extremamente escorregadio nas suas afirmações.
Marcelo é um homem nascido dentro da política e nunca a abandonou nem perdeu dela qualquer recanto onde ela pudesse madurar. Que pensa, que tem pensado ele, dos sucessivos erros e abusos cometidos nas últimas décadas’???? Não sabemos mas é de supor que, com a memória privilegiada que tem, os tenha todos arrolados.
Marcelo não é pertença de nenhuma classe social o que, de certo modo, o liberta de compromissos. Casou com uma filha do ministro Mota Pinto  e o casamento, apesar de pouco duradouro, ajudou a sua ascensão porque ela tinha um background que ele não tinha de nenhum dos lados. O único background era morar perto de uma das melhores amigas de Salazar o que ajudou a que o honestíssimo médico da Cx de Previdência  – ele sim homem de fidelidade e lealdade -passasse a Ministro da Saúde e, por ali fora, a Governador de Moçambique.
Há pouco mais de um ano herdou, por morte do pai da ‘namorada’, ou ex-namorada, o lugar de administrador da Fundação da Casa Bragança, que ainda ocupa.

Marcelo tem o País na mão! Como nenhum outro presidente teve. E NINGUÉM sabe, ou sequer pode imaginar, o que o percurso de vida dele – que não o político – lhe terá inspirado.
Se tiver um projecto, e não é de duvidar que o tenha, irá pô-lo em prática e com a inteligência de que é dotado e nada tendo a perder, ficará para a História, ambição que conduz na perfeição com a personalidade dele. Veremos!

Pelo menos vimos-nos livres do Cavaco que é a antítese disto tudo e que viveu ‘reinando’ nos intervalos de duvidosas chuvas que ainda falta contabilizar.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s